publicidade

pesquise aqui sua simpatia

----------------------------------------------
Custom Search
--------------------------------------------

publicidade

----------------------------------------- ----------------------------------------------- ----------------------------------------------------------------------------------------- ---------------------------------------------------

sábado

Esconjuros e Sortilégios

Segue uma série de receitas e conselhos encontrados nos manuscritos de São Cipriano sobre como usar as coisas deste mundo para ganhar poder sobre seus próxímos o futuro e todas as coisas na terra.

A Cruz de São Bartolomeu

cruzdesaobartolomeu.jpgNo grande "Agiológio", relíquia medieval, encontram-se os apontamentos sobre a Vida e Milagres de São Bartolomeu e ali se ensina como fazer a cruz desses santos e também a maneira correta de usá-las.
Arranja-se um pedaço de pau de cedro e dele cortam-se três pequenos pedaços, sendo que um deles deve ser mais comprido do que os outros, para que formem direito os braços de uma cruz. Em seguida cobrem-se os pedaços de cedro com alecrim, arruda, aipo, colocando-se em cada braço, em cima e embaixo da parte mais comprida, uma pequena maçã de cipreste. Durante três dias a cruz deve permanecer mergulhada em água benta, findo os quais a mesma é retirada e, no mesmo dia, ao dar meia-noite, pronuncia-se junto a cruz a seguinte oração:

"Cruz de São Bartolomeu e São Cipriano, a virtude da água em que estiveste, e a madeira de que és formada, que me livre das tentações do espírito do mal e tragam sobre mim a graça de que gozam os bem-aventurados".

A cruz pode ser trazida dentro de um saquinho de seda preta benzida, ou mesmo andar unida ao corpo, presa ao pescoço por um cordão de seda preta. A pessoa que a trouxer deve fazer o mais possível por ocultá-la a toda a gente; e quando desconfiar que alguém lhe lançou "mau olhado", deve na ocasião em que se deitar, beijar três vezes a cruz e dizer a oração acima.

Ao levantar deve também beijar três vezes a cruz e rezar em seguida um Pai-Nosso e uma Ave-Maria.

Sobre a arte de fazer ouro


Certo dia, São Cipriano assim falou a seus discípulos:

"Também, meus filhos e irmãos, fui escravo do ouro e pondo a trabalhar o meu grande poder oculto, descobri os mistérios da ALQUIMIA. Nem tudo posso vos revelar, pois sabeis bem o que seja quebrar um voto, porém, muito vos posso indicar. "A Alquimia é a mais misteriosa das ciências. Se não sois pacientes jamais a dominareis. Ela se entrega aos poucos; é caprichosa, tem dias, parece muito com as mulheres e o mar. Somente quando dominares os mistérios da Kabala, o grande livro de Papus, os versos de ouro de Pitágoras, os mistérios de Eleusis, é que, então, vós podereis iniciar nos segredos da Alquimia. Ela é ciência e é mágica. Surgiu no Egito, nos estudos profundos de Hermes Trimegista. Os caldeus a estudaram, os gregos a desenvolveram. Eu sei que se pode fazer ouro, com artifício humano e diabólico, juntando os elementos TRAPA e ECO, numa caldeira escura, que os magos chamam RRETA. É preciso conhecer os ingredientes simples, aplicando com a devida proporção "ATIVA E PASSIVA".

Bernardo Trevisano conseguiu, após muitos trabalhos e canseiras, fabricar ouro pela arte da ALQUIMIA. Os pós necessários à preparação do ouro são: ARGENTES VIVO, AZOUGUE e RESCH.

A Semente do Feto

Ao bater a meia-noite, na noite de São João, colocar uma toalha debaixo de uma semente de feto, onde já deverá estar desenhado um signo-saimão, que deverá ser abençoado em nome do Padre, do Filho e do Espírito Santo, para que o demônio não possa entrar dentro do risco do desenho.

Depois, a própria pessoa deve entrar dentro do risco; mais pessoas podem entrar ao mesmo tempo dentro do risco se desejarem; então, ele deverá ser previamente traçado na largura precisa, para que caibam nele todas as pessoas que irão participar da cerimônia.

Deve-se dizer em voz alta (por todos os participantes) a Ladainha dos Santos. Depois, a semente deve ser repartida entre todos.

Cada pessoa deverá dizer estas palavras sobre a semente do feto:

"Semente do feto, que na noite de São João foste colhida à meia-noite em ponto. Foste obtida e caíste em cima de um signo-saimão, assim me servirás para toda a qualidade de encantos; e assim com Deus e em ponto divino de São João, o Pai, e em ponto humano de São João, o Primo, assim toda pessoa por quem tu fores tocada se encante comigo. Tudo isto será cumprido pelo poder do grande Deus Onipotente, porque eu, (citar o próprio nome), te cito e notifico que não me faltarás a isto pelo sangue derramado de Nosso Senhor Jesus Cristo e o poder e a virtude de Maria Santíssima sejam comigo e contigo. Amém"

No fim destas palavras diz-se um Credo-em-cruz sobre a semente, isto é, fazendo cruzes com a mão direita dobre a dita semente. Seta forma, fica a semente com todo o poder e virtude. Passa-se depois por uma pia de água benta.

Depois disso tudo, deve-se colocar a semente em um vidro deixando-o bem tapado. Em relação aos poderes os encantos, deve-se dizer que:

1. Toda criatura que obtiver esta semente, se tocar com ela em outra pessoa com má intenção, pecará mortalmente por se servir de um mistério divino para prejudicar outra pessoa.

2. Incorre na pena de excomunhão qualquer pessoa que toque outra com esta semente para atrapalhar seus negócios e encantar-lhe os seus trabalhos, para não lhe correrem bem.

3. Toda pessoa possuída pelo mal será curada se for tocada com a semente por outra pessoas com viva fé em Jesus Cristo.

4. A semente tem a virtude de curar qualquer enfermidade, se usada por pessoa com grande fé em Jesus Cristo.

5. A semente tem a virtude de nos defender do inimigo ou de suas astúcias.

6. A semente tem o poder oculto de fazer uma pessoa por quem se está apaixonado, ou interessado, corresponder. Proceder da seguinte forma: ao conversar com a pessoa querida, jogues sobre ela três grãos da semente do feto e ela corresponderá aos seus sentimentos.

Esta maravilhosa semente encerra encantos para tudo o que se seu possuidor desejar conseguir

O Trevo de quatro folhas


O trevo de quatro folhas tem as mesmas prioridades mágicas que a semente do feto. Para usar sua magia, proceder da mesma forma como foi descrito quanto à semente do feto. Muda apenas a oração, que é a seguinte:

"Eu, criatura do Senhor, remida com o seu Santíssimo Sangue, que Jesus Cristo derramou na Cruz para nos livrar das fúrias de Satanás, tenho uma vivíssima fé nos poderes edificantes de Nosso Senhor Jesus Cristo. Mando ao demônio que se retire deste lugar para fora, e o prendo e amarro no mar coalhado, não perpetuamente, mas sim até que eu colha este trevo; e logo que eu o tenha colhido te desamarro da tua prisão. Tudo isto pelo poder e virtude de Nosso Senhor Jesus Cristo. Amém."

Se o demônio aparecer naquele momento em que for invocado, deve-se mandá-lo se ausentar e somente então pedir o que se deseja, e ele tudo fará para não ser preso. No fim de tudo isto bem executado, deve-se tomar posse do trevo, e fazer tudo o que se deseja, conforme está escrito acima.

O Vidro Encantado


Prepare um vidro de pequeno 'tamanho, para que seja fácil levá-lo no Uso. Coloque o seguinte, no seu interior;

   1. ° — Espírito de sal amoníaco.
   2. ° — Pedra d'ara.
   3. ° — Alecrim.
   4. ° — Funcho.
   5. ° — Pedra mármore.
   6. ° — Semente de feto.
   7. ° — Semente de malvas.
   8. ° — Sementes de mostarda.
   9. ° — Sangue do dedo mindinho.
  10. ° — Sangue do dedo polegar (mão e pé).
  11. ° — Uma raiz de cabelo da parte genital (da pessoa que está preparando o vidro).
  12. ° — Esperma se for homem ou incômodo se for mulher.
  13. ° — Raspa das unhas dos pés e das unhas das mãos.
  14. ° — Raspa de um osso de defunto; se for da caveira melhor.

Estes ingredientes não devem ultrapassar a metade do vidro. Em seguida diga as palavras abaixo, fazendo um sinal da cruz com as mãos sobre o vidro, como se estivesse benzendo-o:

"Vidro sagrado, que pela minha própria mão foi preparado, o meu sangue está preso no seu interior. Toda a pessoa que o cheirar há de ficar por mim encantado. "ignoratus tuunz vos assignaturum meo".

Depois de tudo pronto, exatamente como já acabamos de explicar, guarda cuidadosamente o vidro e com ele poderá encantar quem bem desejar. E para quem lhe der a cheirar, ele se converterá em seu escravo e o seguirá até onde bem entenderes.

Este encanto tanto tem poder para o bem como para o mal, tudo depende do pensamento do seu portador: se for para o bem, sucede o bem; se for para o mal, sucede o mal.


A Virtude do Azevinho


A meia-noite, do dia 23 para o 24 de junho, (noite de São João), cortai o azevinho com faca de aço, e depois que o tiverdes cortado, abençoai-o em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo; depois de tudo isto levai-o junto do mar e passai-o pelas sete ondas do mar; e enquanto estais fazendo sempre cruzes com a mão direita sobre as ondas e o azevinho.

O azevinho poderá trazer muitos benefícios para quem o levar sempre consigo, conforme passamos enumerar:

I — Quem trouxer na sua companhia o azevinho, tem fortuna em todos os negócios que fizer e em tudo que diz respeito à felicidade do homem.

II — Quem trouxer consigo o azevinho e tocar com ele uma pessoa com a fé viva de que o há de seguir imediatamente, a dita pessoa segue para toda à parte a pessoa que o tocou.

Este segredo tem sido experimentado por milhares de pessoas e sempre se saíram vitoriosas.

III — O azevinho tem virtude para tudo que o possuidor desejar. Qualquer pessoa que possuir o azevinho e o tenha pendurado na loja, isto é, se for pessoa estabelecida, deve todos os dias de manhã, quando chegar à loja, proferir as seguintes palavras:

"Deus te salve azevinho, criado por Deus".

Desta forma a dita loja será muito afortunada. Tem sido por este sistema que muitos negociantes portugueses se têm enriquecido.

O Ovo Clarividente


Esta prática deve ser feita na noite de São João, ou seja, de 23 para 24 de junho. A pessoa que quiser conhecer sua sorte, deverá, durante a fria noite de São João, deixar um Ovo de galinha dentro de um copo d'água, que deverá apanhar todo o sereno da noite. Pela manhã, quando a pessoa que o colocou for vê-lo, a sorte estará claramente descrita no interior do copo.  Se não conseguir de imediato, não fique aborrecido, achando que não foi atendido, ou porque o ritual falhou. É só uma questão de paciência para poder entender os sinais.

Ferraduras e Desgraça


ferradura.jpgMuitas pessoas têm o hábito de trazer por trás das portas da sua casa, uma pequena ferradura dependurada. Dizem que dão sorte e a maioria dependura "uma ferradura qualquer" sem observar atentamente o tipo de ferradura que é, e julgam que qualquer uma faz o mesmo efeito, sem saber que tem que ser uma pequena ferradura de asno, caso contrário, ela apenas servirá como adorno e não ajudará o seu proprietário em nada.

Mas, para que o leitor se ilustre e fique sabendo o verdadeiro significado da ferradura relataremos uma pequena história.

Quando o bárbaro rei Herodes mandou degolar todos os meninos de até 2 anos, que se encontrassem em Belém e nos seus arredores, pois estava convencido que entre eles se encontrava o menino Jesus.

Mas eis que o anjo do Senhor apareceu em sonho a José e lhe disse:

"Levanta-te, toma o menino e sua mãe e foge para o Egito, e fica ali até que eu te avise, porque Herodes anda em busca do menino para mandar matar".

José obedeceu à ordem do anjo, com prontidão, partindo mesmo de noite,

com o menino e sua mãe para o Egito.

Mas, como a Virgem estivesse na impossibilidade de empreender ama tão longa e escabrosa viagem, José, seu esposo, foi procurar uma mula e Maria e o Menino montaram nela, encetando assim a jornada.

Em certo lugar, porém a mula, espantando-se derrubou-os. José, aflitíssimo, procurou um jumento e ordenou que Maria Santíssima e

o Menino Jesus montassem no mesmo. Chegaram até o Egito e José abençoou aquele pequeno animal. Eis porque quando encontrarem uma ferradura pequena, deve pegá-la, e guardá-la, pois elas são abençoadas.

Por isso que a ferradura passou a ser uma espécie de talismã da sorte, mas como puderam ver não é uma ferradura qualquer, deve ser uma pequena ferradura que tenha pertencido a um jumento. Para completar darei um pequeno glossário sobre as superstições que giram em torno da ferradura.

1. ° — Achar uma ferradura pequena é sinal de sorte para o resto da vida.
2. ° — Encontrando uma ferradura na rua, e que esteja virada para você, deverá, primeiramente, virá-la do lado oposto e depois erguê-la.
3. ° — Uma ferradura é também remédio para enxaquecas e cólicas; para isso deve colocá-la, em brasa, no leite que for bebido, quando sofrer de algum desses dois males.
4. ° — Se encontrar uma ferradura pequena deve erguê-la, pois é sinal de sorte para quem a acha: -se tiver cinco furos pregue-a atrás da porta da rua; se tiver seis furos, pregue-a atrás da porta da cozinha; -se tiver sete furos, pregue-a atrás da porta do quarto; -se tiver mais de sete furos, pregue-a atrás da porta do seu estabelecimento;
5. ° — Uma ferradura presa atrás da janela evita a entrada de ladrões.
6. ° — Se a ferradura encontrada foi de um cavalo, não apanhe, trará desgraça e infelicidade, porque derrubou Nossa Senhora e o menino Jesus.
▼  Outubro (166)
-->

Postagens populares

entre em contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Google+ Followers

Seguidores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Total de visualizações de página

Minha lista de blogs